sexta-feira, 23 de setembro de 2011

Gravidez

  Esses dias foram bastante tumultuados, por isso parei um pouquinho as postagens... Nessa última semana me mudei de casa, e junto com toda a arrumação necessária várias coisas, vem sendo colocadas em seu devido lugar, e outras saíram totalmente fora de órbita o.0

  Vou começar contando o que já devia ter contado aqui, e que não sei porque ainda não foi dito, para tanto:








  É isso aí, estou grávida de 18 semanas e 5 dias (ou quatro meses), muitas pessoas que me conhecem e sabem sobre minha Diabetes, se assustam, e me perguntam se eu queria essa gestação, e respondo com todas as letras que S-I-M.

  Apesar de minha G.O. ter me alertado que não seria uma gestação tranquila como foi a primeira, e que eu teria que ser bem mais regradinha com a Diabetes do nunca, eu queria SIM essa gestação, e nessas 18 semanas apesar de não estar vivendo a melhor fase do Diabetes e seus sintomas, não me arrependo em nenhum momento da escolha que fiz. Sem dúvida alguma iria adorar poder abusar de todos os deleites que se oferecem as gestantes, mas também não tenho dúvidas de não seria nem mais nem menos feliz por um docinho a mais numa festinha, ou em qualquer padaria da esquina. O que me satisfaz é algo bem maior que isso. Poder ter meu bebê saudável, é minha maior preocupação hoje, e sei que o fato de ser Diabética não precisa interferir em nada na vidinha dele. Tenho que ter um controle maior sim, mas nada que já não fazia antes, e nada que vá prejudicar minha saúde ou a dele, e sim o contrário... Um brinde a qualidade de vida... Tim Tim

  Porém junto com toda a alegria de poder ter um bebêzinho, vem toda a disciplina e medos que uma futura mamãe tem, adicionados com os medos por conta das hiper's e hipo's, medicações que devo e posso tomar sem afetar meu bebê, controle glicêmico rígido, dieta super regrada, e nem acreditei quando me disseram, a traiçoeira depressão.

  Comecei com uma irritação fora do normal, até que a duas semanas atrás, na última consulta de pré-natal, quando a médica me falou que estava tudo bem e que meu controle glicêmico estava dentro do esperado, mesmo não estando estável e bem longe do normal, desabei e chorei muuuito, pois não achava que estava fazendo tudo que devia para um bom controle, porisso das inconstâncias na glicemia que hora tá demais e hora tá de menos. A enfermeira até brincou que nunca viu isso, chorar porque preferia ter levado bronca ;)
  Vai entender né...

  Desse dia em diante comecei a passar também com uma Psicóloga, muito bacana que não me lembro o nome ( rsrs ), e hoje apareceu uma coisa nova na minha rotina, terei de aprender a lidar com o pânico de ir trabalhar, só de pensar passo mal. É que ontem aconteceu uma coisa muito chata, trabalho com Psiquiatria, e uma paciente que vem me perseguindo e ameaçando a dias, tentou me agredir. Na hora fiquei nervosa, chorei, depois me acalmei mas não conseguia falar do assunto que chorava novamente; mais tarde consegui falar e me senti aliviada, parecia que tinha passado, até que não consegui pegar mais no sono depois do lanchinho da madrugada, fechava os olhos e via a cena se repetindo, em pânico, com medo de estar novamente junto com ela ou qualquer outro paciente, faltei no trabalho e procurei o C.S. em busca de ajuda, o clínico me deu um atestado pra esse fim de semana, como segunda estarei de folga e terça vou pro pré-natal e Psico novamente, vamos ver o que acontece até lá...   Peço à Deus que me ajude a superar mais esse obstáculo, pois amo meu trabalho e sei o quanto ele é importante pra mim. E também para eu conseguir me acalmar, pois sei o quanto afeta a minha saúde e ao bebê que nem sabe o que está se passando aqui fora, mas que já sente tudo que eu sinto...

  Até mais
         Beijinhos Doces

3 comentários:

cristiane costa disse...

oi Julyanna,quero te dar os parabéns!E se preocupa não vc está fazendo tudo certinho sim eu mesmo em todas minhas quatro gravidez sempre achei que poderia fazer mais ou achava que sempre estava fazendo algo errado.Eu chorava muuuito mesmo fiquei hiper sensível mas depois que ganhei meus bebês melhorei e com vc vai acontecer o mesmo!Beijos,boa sorte e parabéns!Cristiane do blog Cristiane diabética e mãe.

Ich, Hausfrau disse...

Oi Ju... obrigada pela visita lá no blog! Estou aqui pra retribuir o carinho! Fico tão feliz cada vez que vejo uma mulher grávida... é a coisa mais linda do mundo! Fico mais contente ainda em saber que apesar das dificuldades, vc quis e quer muito ter esse filho! Vai dar tudo certo, com a graça de Deus. bjo

vivercomdiabetes disse...

Passei aqui para conhecer seu blog e me identifiquei com esta postagem sua. Parabéns pela gravidez! É um período de muita disciplina, mas vale muito a pena. Beijos.